Caçapava deve Decretar Situação de Emergência devido as chuvas

Caçapava do Sul Destaque Geral Prefeitura de Caçapava do Sul

As equipes da Defesa Civil, Assistência Social e Obras se reuniram com o prefeito Giovani Amestoy na primeira hora desta segunda-feira (14) para avaliar a situação do município após a forte chuva que atingiu Caçapava do Sul na noite deste domingo (13).

Diversas ruas foram danificadas nos bairros, vilas e interior e algumas casas e carros em locais (com históricos de enchentes) como o Passinho da Aldeia foram invadidos pela água, mais de 65 mm em menos de duas horas na noite de ontem (13), de acordo com o pluviômetro da Tritícola Caçapavana (Cotrisul).

A equipe da Prefeitura (Defesa, Assistência Social e Obras) ontem mesmo começou a prestar os primeiros socorros aos munícipes. O Corpo de Bombeiros de Caçapava do Sul também foi acionado para atender duas ocorrências, por volta das 21h30, devido a água que tomou conta de ruas e de residências. Segundo as equipes de socorros, as ruas Esperanto, Dom Pedro II, Riachuelo ficaram alagadas e algumas famílias perderam móveis e roupas.

De acordo com a Defesa Civil do Estado, em boletim declarado na tarde de ontem (13), mais de 11 municípios já decretaram situação de emergência na última semana devido as enchentes e tem mais de 5 mil gaúchos desabrigados no Estado, principalmente na cidade de Uruguaiana, mais atingida pelas enchentes.

No ano passado a Prefeitura Municipal informou que conseguiu cadastrar um projeto de R$3 milhões para a construção da canalização da rede de esgoto do Passinho da Aldeia e Estação de Tratamento de Esgoto, obra que deve resolver os problemas de alagues que ocorrem há mais de 20 anos na localidade. O Município aguarda a liberação do recurso, por parte do Governo Federal para dar início a licitação da Obra.

Ajuda

A Assistência Social, localizada na rua General Osório, nº 1050 (ao lado do Coeducar), está com uma Sala de Atendimento Emergencial às vítimas dos alagues. As famílias que tiveram suas casas invadidas pelas águas e precisam de doação de alimentos, roupas, lona, entre outros, podem procurar a Assistência.

Quem quiser ajudar as pessoas que sofreram danos com as chuvas pode doar roupas, alimentos, produtos de limpeza, colchões, cobertores, utensílios domésticos no mesmo local da Sala de Atendimento Especial. Mais informações pelo telefone da Secretaria (55) 3281-4080

A secretaria de Obras também está fazendo um levantamento de pontos mais críticos, encostas, ruas, cabeceiras de pontes com riscos de desmoronamentos, além de locais ilhados. Nestes casos de extrema urgência, o morador pode informar a Secretaria ou solicitar socorro pelo telefone (55) 3281-4088 ou ainda pelos telefones da Defesa Civil (55) 3281-2420 ou do Corpo de Bombeiros (55) 3281-5144.

 133 Visualizações,  1 Hoje

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *